Atores lotam sala para debate

Por Rafael Reis, do Idade Midia

Na sexta-feira (9/5), o Band recebeu de sala cheia a visita dos atores Ghilherme Lobo e Fábio Audi, estrelas do longa-metragem “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”, de Daniel Ribeiro, vencedor do Teddy Bear (melhor filme pela crítica no Festival de Berlim). O filme conta a história de um adolescente cego que busca sua independência, uma vez que é superprotegido por sua família. No meio da jornada, Léo (Ghilherme Lobo) se apaixona pelo recém chegado na escola, Gabriel (Fábio Audi), que mostra ao garoto um “mundo novo”, levando-o a andar de bicicleta e fazer outras atividades comuns ao cotidiano de um adolescente sem deficiência visual.

O debate sobre o filme a princípio aconteceria somente com os alunos do curso Idade Mídia, que ocorre durante as sextas à tarde. Porém, por conta da popularidade do filme e graças à parceria do curso com o Cultural mais 30 alunos puderam assistir à palestra. Os atores responderam às mais variadas questões por parte dos alunos, debatendo, principalmente, sobre os temas retratados no filme, dentre eles, o descobrimento de um primeiro amor, a relação da sociedade com a deficiência, a recepção do filme na comunidade LGBT, a resposta de comunidades mais conservadoras, a experiência de gravar um longa-metragem, e as diferenças entre o cinema e o teatro.

Impulsionados pelas perguntas levantadas pelos estudantes, ambos mencionaram suas inspirações e técnicas para entrar na personagem, e o que aprenderam ao estrelar um filme sobre um adolescente cego. Após a palestra, Ghilherme e Fábio estenderam seu tempo para tirar fotos e dúvidas pessoais.

Os dois atores deixaram bem claro, durante a palestra, que se sentem orgulhosos do trabalho que fizeram. Finalizaram a entrevista de modo a satisfazer todos que compareceram, e não foram embora antes de deixar uma valiosa lição. “Entre em acordo com você mesmo, e persiga aquilo que te faz feliz, mesmo sabendo que vai ter que ralar pra isso. Não vai ser fácil, mas valerá a pena.”, aconselhou Ghilherme Lobo, sobre o futuro pós-escola questionado pelos alunos.

Band no Fórum FAAP 2014

Alunos da 2.a e 3.a séries do Ensino Médio participaram do Fórum FAAP 2014, que promove a discussão entre estudantes de cerca de 40 instituições de ensino sobre temas globais por meio de simulações de conferências internacionais. Durante os quatro dias de evento, os alunos do Band foram representantes em debates de temas como refugiados palestinos, segurança cibernética e a Copa do Mundo de 2022 (no Qatar).

“Desde que fiz MONU-EM [curso extracurricular que simula conferências da ONU], participo de outras simulações sempre que possível e percebo que, em cada uma delas, o aprendizado e as experiências que adquiro são enormes”, comentou Beatriz Bechelli, aluna do 3.o ano, que participou pela segunda vez no Fórum FAAP.

Nesta experiência, os alunos podem desenvolver habilidades de oratória, argumentação, negociação e trabalho em equipe. “Eles mergulham no mundo da realidade global, onde debatem e vivem a política internacional”, explicou Regina Mara, coordenadora do projeto MONU-EM.

É o 10.o ano que o Bandeirantes participa desta troca de experiências tanto entre alunos quanto em professores na FAAP. “É muito enriquecedor porque o aluno aprende a se posicionar e a defender seu ponto de vista e, além de tudo, a ouvir”, finalizou a coordenadora.