Alunos são destaque no Harvard Model United Nations 2017

De 26 a 29 de janeiro, cerca de três mil alunos de todo o mundo participaram do Harvard Model United Nations 2017 (HMUN 2017).

harvard_2

O evento ocorre anualmente e tem como objetivo simular as conferências da ONU e, dessa forma, desenvolver soluções para problemas mundiais que estão em pauta.

harvard

Além do Band, apenas seis outras escolas brasileiras participaram da Sexagésima Quarta Sessão do HMUN. “A participação em acontecimentos como este são de extrema importância para os alunos, uma vez que se desenvolvem habilidades de oratória, negociação e pesquisa, por exemplo”, pontuou a professora de Geografia e coordenadora do MONU-EM , Regina Mara Fonseca.

harvard5

O HMUN oferece a possibilidade de o aluno realizar uma aplicação para representar um país ou uma das “Agências Especializadas”. O processo para compor a mesa das Agências exige mais tempo dos alunos e uma maior qualificação.

Adriano Adoni (3E1), Caio Xavier (3H1), João Costa (3H1), Giulia Smith (3H1) e Isabela Cosin (3H2) foram aceitos para interpretarem algumas das agências especializadas.

Representando o conselho ministerial da Grécia, Adriano e Caio estudaram a crise que atinge o território grego e apresentaram soluções para reverter a situação dos refugiados e a instabilidade econômica.

Giulia e Isabela discutiram a respeito de ações humanitárias das ONGs em caso de crise, guerras ou tragédias. As alunas faziam parte de uma ONG evangélica e, nesta simulação, apresentaram argumentos para que pudessem atuar em um país essencialmente islâmico.

João participou de um comitê histórico que simulava o Conselho popular dos comissários da Rússia no começo do século XX. O aluno representou a figura de Trotsky durante o Politiburo e, por votação dos representantes do comitê, foi eleito um dos melhores delegados, recebendo um certificado da universidade.

“Acho importante ressaltar o reconhecimento dos mediadores dos comitês, pois não foram poupados elogios pela boa atuação dos nossos alunos. Fiquei extremamente orgulhosa ”, finalizou a Regina Mara.